KoRn: Guitarrista comenta a participação de Tye Trujillo nos shows

Nesta quarta-feira (26) a NME divulgou uma entrevista com o guitarrista do KoRn, James ‘Munky’ Shaffer em que ele comenta a participação de Tye Trujillo, de apenas 12 anos, nos shows da banda.

O garoto fez sua estreia na última semana nos shows da turnê na América Latina, inclusive no Brasil, e empolgou a todos: “É bom, estamos nos divertindo! Ele está tendo um ótimo momento (…). O pai dele está aqui conosco, apenas curtindo, gravando as coisas e colocando a conversa em dia. [Tye] conhece entre 17 e 18 músicas do KoRn, e eles as conhece muito bem, é maluco. Todas as paradas, e as quebras… é doido ver alguém tão novo e tão talentoso. Ele será um músico profissional, e saber disso em uma idade tão nova é muito inspirador”.

Trujillo vem sendo um show a parte durante as apresentações, e James comentou como está sendo para ele lidar com tudo isso. “Quando chegamos aos shows, ele tem pessoas querendo fotos dele e autógrafos, ele está um pouco sobrecarregado, mas está lidando como seu pai, o que é legal, calmo e modesto”, completou.

Além disso, ele também comentou que eles conheceram Tye através de seu pai, baixista do Metallica Robert Trujillo, quando esbarraram com a banda em um aeroporto e assistiram alguns vídeos do menino tocando baixo, então quando descobriram que Fieldy não poderia vir aos shows, logo pensaram nele. “Não é apenas qualquer substituto, é o DNA do Robert Trujillo, um dos maiores baixistas no planeta. Você consegue ver isso – é incrível o quanto do pai dele você consegue ver nele”, finalizou Munky.

Deixe seu comentário no final da página, marque aquele seu amigo que também curte o Korn, e acompanhe a Nação da Música nas Redes Sociais: Facebook, Twitter, Spotify e Instagram.

VIANME
COMPARTILHAR
Juliana Izaias
Prefere ser chamada de Ju, estudante de jornalismo, apaixonada por música, festivais, seriados, gatos e Arctic Monkeys.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!