Glass Animals entrega uma vibrante experiência imersiva em show online

- PUBLICIDADE -
Glass Animals
Foto: M Rossi/ T4F
@nacaodamusica

Às 21:00 dessa quinta-feira (15) no horário de Brasília, os fãs do Glass Animals puderam conferir a transmissão de um show pago online, o qual foi batizado de “Live In The Internet: An One-Off Audiovisual Experience“. Esse audacioso anúncio, felizmente, fez justiça ao que o grupo britânico preparou e apresentou para o público durante seu set.

Em harmonia com a estética de “Dreamland“, seu recém-lançado álbum de estúdio, a performance começou com o vocalista Dave Bayley sentado em uma mesa na frente do palco sob vibrantes luzes neon e objetos vintage como computadores dos anos 90 e um globo de plasma. Logo, a iluminação se une aos gigantes telões de LED, os quais preencheram o fundo do palco e o chão com projeções psicodélicas e multicoloridas, em uma total imersão aos elementos imagéticos do movimento artístico Vaporwave.

Eufóricos e cheios de energia, os integrantes da banda abusaram de teclados sintetizadores para dar vida ao material inédito, não se esquecendo também das canções antigas, como “Life Itself“. Nos intervalos entre canções, Dave soltou pequenos discursos bem humorados, ironizando a falta da presença física de um público durante o show. Em “Tangerine“, as projeções visuais se transformaram em um brilhante e único tom de laranja, e uma tangerina gigante desce do teto, como se fosse um globo de discoteca.

Conforme o setlist foi progredindo, pudemos conferir a versatilidade do Glass Animals ao vivo. Sempre inovando e trazendo surpresas em cada faixa, é difícil conseguir não sair do lugar ao assistir uma apresentação ao vivo do quarteto. Convidando participações especiais, Dave cantou com os artistas Arlo Parks e Denzel Curry, desceu do palco, voltou para a mesa de computador, se escondeu nas plantas decorativas que ficavam nas laterais do palco, tudo isso cantando sem perder o fôlego e ainda por cima tocando guitarra.

Além de soarem extremamente eletrônicos e sintetizados, o groove dançante da banda também foi guiado, em alguns momentos, por instrumentos de corda (essencialmente a linha de baixo). No single “Heat Wave“, os telões mostraram vídeos caseiros enviados por fãs, dando um toque intimista ao show. Finalmente, se encaminhando para o fim, Glass Animals entregou eletrizantes performances de “Your Love (Déja Vu)” e “Gooey“, o grande hit de sua carreira até o momento.

Mesmo enfrentando problemas técnicos que interromperam a transmissão por alguns momentos, o resultado foi um evento de altíssimo nível conceitual e criativo, produção audiovisual impecável e energia vibrante e contagiante de todos em cima do palco.

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam Glass Animals, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Google Notícias, Instagram, YouTube, Facebook e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e toda a sua família. Não se esqueça de lavar bem as mãos e se possível #FicaEmCasa, mas se precisar sair não se esqueça de usar a máscara! Cuide-se.

 

 

- PUBLICIDADE -