Mar Aberto

CATEGORIA

Resenhas de CD's

Resenha: “A Bolha” – Vitor Kley (2020)

O Vitor Kley lançou, nesta quinta-feira (18), seu novo álbum de estúdio intitulado “A Bolha” em todas as plataformas de streaming. Composto por doze canções,...

Resenha: “To Let A Good Thing Die” – Bruno Major (2020)

A estreia de Bruno Major na cena musical britânica em 2017 foi um suspiro de ar fresco que o rendeu certo reconhecimento no Reino...

Resenha: “Dedicated” – Carly Rae Jepsen (2020)

A cantora canadense Carly Rae Jepsen, dona do hit "Call Me Maybe", lançou em 21 de Maio, em uma estratégia não muito inédita em...

Resenha: “Mundo Novo” – Mahmundi (2020)

Na última sexta-feira (29), Mahmundi liberou o disco "Mundo Novo", terceiro de sua carreira e sucessor de "Para Dias Ruins". Com 7 faixas, o...

Resenha: “Muzz” — Muzz (2020)

Nesta sexta-feira (5), Paul Banks nos agraciou com um novo álbum, dessa vez com o projeto formado ao lado de John Kaufman (Bonny Light...

Resenha: “The End Of Everything” – Noah Cyrus (2020)

Em “The End Od Everything”, Noah Cyrus finalmente conquista sua própria personalidade e brilha fora da sombra do pai e da irmã mais velha....

Resenha: “Chromatica” – Lady Gaga (2020)

Lady Gaga foi uma das artistas de maior ousadia de sua geração. Ao se apresentar ao mundo no final dos anos 2000 com atitude...

Resenha: “how i’m feeling now” – Charli XCX

No cenário atual caótico, em que cada vez mais se busca abrigo no que quer que seja reconfortante, Charli XCX encontrou a oportunidade de...

Resenha: “Fetch The Bolt Cutters” — Fiona Apple (2020)

Fiona Apple quebrou o silêncio (e sumiço) de mais ou menos oito anos em abril, com o lançamento do quinto disco de estúdio da...

Resenha: “Notes On A Conditional Form” – The 1975 (2020)

Podemos perceber que a trajetória percorrida pelo The 1975 os colocou em uma posição de extrema relevância na cena indie britânica. Seu vocalista, Matty...