Emicida: single “AmarElo”, com Majur e Pabllo Vittar, completa dois anos

Emicida
Foto: Reprodução / Netflix Brasil / Cartaz
- PUBLICIDADE -
Raízes da Mamma
- PUBLICIDADE -
Meu Funeral

O rapper Emicida comemorou no dia 25 de junho os dois anos do lançamento da música “AmarElo”, em parceria com as cantoras Majur e Pabllo Vittar, que chegou acompanhada de videoclipe oficial.

- PUBLICIDADE -
Meu Funeral

Dirigido por Sandiego Fernandes e com roteiro do próprio Emicida, o registro audiovisual retrata imagens que expressam todo o sentimento envolvido na canção. A obra como um todo transmite muita representatividade, negra e LGBTQIA+, sendo bastante importante também como uma mensagem às pessoas que sofrem com transtornos mentais, como a ansiedade e a depressão.

- PUBLICIDADE -

Com sample de “Sujeito De Sorte”, de Belchior, “AmarElo” é a faixa-título do icônico terceiro álbum de estúdio do rapper paulista, lançado alguns meses após a liberação do single, em outubro de 2019. Tratado por seu próprio autor como um experimento social, o material foi base para vários projetos sucessores, como o documentário “AmarElo – É Tudo Pra Ontem”.

- PUBLICIDADE -

Recentemente foi anunciado aqui na Nação da Música que o show dedicado ao disco, realizado no Theatro Municipal de São Paulo, será lançado na íntegra na Netflix, no dia 15 de julho. Assista agora mesmo ao clipe oficial de “AmarElo”, com Majur e Pabllo Vittar, através do player do YouTube disponível ao final dessa publicação.

- PUBLICIDADE -

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam Emicida, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Google Notícias, Instagram, YouTube, Facebook e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e toda a sua família. Não se esqueça de lavar bem as mãos e se possível #FicaEmCasa, mas se precisar sair não se esqueça de usar a máscara! Cuide-se.

Estudante de jornalismo, baterista e com paixões musicais do rap ao hardcore.